Páginas

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

JOGOS COOPERATIVOS

JOGOS COOPERATIVOS

      Os jogos cooperativos  propõe um exercício de ampliação da visão sobre a realidade da vida refletida no jogo. Percebendo os diferentes estilos do jogo-vida é possível escoher com consciencia o estilo mais adequado para cada momento e para cada faixa etária.  Em resumo, COOPERAÇÃO é um processo de interação social, onde os objetivos são comuns, as ações são compartilhadas e os benefícios para todos. 
Ele NÃO deve ser introduzido de forma competitiva.

      O papel do adulto deve ser o de motivar a coopeeração entre as crianças, permitindo que elas tomem decisões por si proprias. desenvolvendo assim a sua autonomia intelectual e social.

Na hora de explicar o jogo o professor deverá ser claro e breve e sua intervenção será necessária no início da brincadeira, devendoser evitada quando as crianças conseguem brincar sozinhas.

Na hora da escolha, o mais importante é destacar qual é a sua função do ponto de vista pedagógico. Na prática os objetivos a serem alcançados englobarão o âmbito pessoal, social e ambiental.

No âmbito pessoal failitaremos maior conehcimento da propria personalidade da criança, sua percepção das proprias capacidades e limitações. Promoveremos autonomia  na tomada de decisões e responsabilidades. 

No ambito social possibilitaremos a melhora nas relações  de grupo com o objetivo de eliminar todo tipo de discriminação de genero e raça ou condição social. E também ampliaremos o conhecimento, o respeito e a valorização das diferentes manifestações culturais do mundo. 

E por fim ensinaremos o respeito  e a conservação do meio ambiente. 

OS JOGOS....


DANÇA DAS CADEIRAS  COOPERATIVAS

Todos em  volta das cadeiras dançando ao som da música. Quando a música pára, todos devem buscar uma cadeira e sentar-se. Ninguém é eliminado, e quem sai é a cadeira . Então a medida que o número de cadeiras diminui, os jogadores são levados a cooperar entre si, para que nenhum fique em  pé.


TARTARUGA GIGANTE

 Em um tapete grande ou algo como uma folha de papelão, um colchão, um cobertor ou outro papel apropriado a criança (o grupo) de verá engatinhar sob a casca de tartaruga e tentará fazer a tartaruga se mover em uma direção.
No começo os participantes podem se mover para diferentes direções e pode demandar algum tempo até eles pereceberem que tem que trabalhar juntos para a tartaruga se mover.
Um desafio maior pode ser: ultrapassar uma montanha, um banco ou percorrer um caminho com obstaculos em perder a casca. 

ILHAS

Folhas de jornal, musica movimentada e alegre e ambiente espaçoso.
Espalhe folhas de jornal pelo chão da sala, que serão as ilhas.
Faça uma breve introdução: imaginem mar sol, coqueiros, etc... (os espaços onde tem jornal são ilhas e o espaço onde não tem jornal é o mar)  quando eu tocar a música, nós vamos dançar no espaço do mar, como se estivessemos nadando. Quando a musica parar é porque vem vindo um tubarão, e então todos devemos correr para as ilhas, ajudando inclusive os nossos amigos. Prontos? ...
Comece a tocar a musica e vá dançando junto com os jogadores. Pare a musica e espere que todos estejam nas ilhas. Recomece a musica e retire algumas ilhas. Pare a música. Repita essa sequencia até que estejam todos amontoados num espaço equivalente a meia folha de jornal. 

Vamos brincar de trem...
Eu vou andar de trem.
Você vai também...
Só falta comprar ...
A passagem do velho trem...
A passagem do velho trem...
O diqui saaaa
O diqui saaaa
O diqui sa – sa – sa – sa....

O PIRULITO
As crianças de frente umas as outras ganharão um pirulito cada uma. Ao primeiro comando elas devem seguir as seguintes orientações:
• Esticar o braço contrário que se está segurando o pirulito,
• Agora, vamos pular;
• Esticar a perna esquerda;
• Mostrar a língua;
• Fazer careta;
• Esticar o braço do pirulito e
• Chupar o pirulito sem dobrar o braço... kkkkk!!!!
Vamos ver quem descobre o segredo desta brincadeira...?!?!?!?!

SEMENTINHAS: ritmo e movimento
Com as crianças em círculo, a narrar a seguinte história.
VARIAS SEMENTINHAS PEQUENINAS
ESTAVAM ESCONDIDAS NO CHÃO
BEM APERTADINHAS NOS BURAQUINHOS
(as crianças se ajoelham e encostam a cabeça no chão)
ELAS DORMIAM UM SONO PROFUNDO....
BEM PROFUNDO...
SOSSEGADO E MUITO BOMMMMM....
(as crianças ainda ajoelhadas viram a cabeça de lado e fecham os olhos)
VEIO A CHUVA E MOLHOU AS SEMENTINHAS
E DEPOIS O SOL
BRILHOU LINDO NO CÉU...
(as crianças de joelhos movimentam os braços de cima para baixo, mexendo os dedos)
DE REPENTE...
AS SEMENTINHAS ACORDAMMMMM
(as crianças de joelhos abrem os braços e bocejam)
DEVAGARINHO... DEVAGARINHO...
AS PLANTINHAS COMEÇAM A APARECER
CRESCEM OS GALHOS
AS FOLHAS
E FICAM AJEITADAS
(as crianças começam a se levantar lentamente. Esticam os braços um de cada vez.)
DEPOIS CRESCERAM, CRESCERAM
E ENROSCARAM-SE NO VARAL
ENROLANDO... ENROLANDO...
(as crianças vão se esticando, braços ao lado na ponta do pé e dão um pulo, vão girando braços no alto vão mexendo as mãos)
... E CHEIO DE FLORES
ALEGRAM O QUINTAL
VEIO O SOL FORTE
E FOI RESSECANDO AS PLANTINHAS
QUE FICARAM TODAS TORTINHAS
(as crianças vão se contorcendo e param numa posição diferente do que estavam - tortos)
MAS O TEMPO MUDOU
COMEÇOU A CHOVER FORTE DE NOVO
E FOI FICANDO CADA VEZ MAIS FORTE...
CADAVEZ MAIS FORTE... MAIS FORTE...
(as crianças ficam se mexendo, subindo e descendo o corpo e mexendo os dedos rapidamente)
AI A CHUVA FOI DIMINUINDO ...
DIMINUINDO ... DIMINUINDO...
ATÉ QUE PAROU!!!
(diminuir a velocidade dos movimentos)
E DE REPENTE VEIO UM OUTRO VENTO MUITO FORTE...
QUE FOI FICANDO MAIS FORTE AINDA... MAIS FORTE
(Em pé com os braços ao alto balançando de um lado ao outro cada vez mais rápido)
ATÉ QUE AS SEMENTINHAS SAIRAM VOANDO
VOANDO, VOANDO PRA BEM LONGE...
(Todos andando com os braços abertos como se estivessem voando)
AS SEMENTINHAS FORAM CAINDO...
CAINDO... CAINDO...
BEM LENTAMENTE...
(as crianças vão se abaixando até chegarem ao chão)
E AS SEMEMTINHAS ADORMECERAM NOVAMENTE
UM SONO BEM PROFUNDO
SOSSEGADO E BOMMM!
(as crianças se ajoelham bem acolhidas e encostam a cabeça no chão, viram a cabeça de lado e fecham os olhos)
 17/02/2011
TOCA DO COELHO

Os participantes de mãos dadas, dois a dois, formam as tocas dos coelhos.
Dentro da toca se coloca um participante, que é o coelho.
O animador comanda o jogo e fica sem toca
Quando o animador gritar: " TROCAR DE TOCA " ou " COELHINHO SAI DA TOCA", todos os coelhos saem da toca e procuram entrar em outra toca.
O que ficar sem toca será a pessoa que dará o comando: Trocar de toca.
E assim por diante ... 

BEXIGA ESPORTIVA

A professora entregará uma bexiga para cada participante, onde estes deverão iniciar as tarefas:
  • Com a bexiga ainda vazia, deverão esticar a mesma na horizontal, na vertical e diagonal, para alongar os musculos.
  • Inflar as bexigas num tamanho que ela caiba na palma da mão (modelo de uma bola pequena)
  • O prof. perguntara quais as modalidades eles gostariam de praticar. Ex: basquetebol, voleibol, etc. para que sejam solicitados os movimentos tecnicos da modalidade escolhida.
  • Só com a cabeça, com os ombros, com os cotovelos, com o bumbum, com os joelhos, com os pés, as mãos e assim vai variando os movimentos.
  • Terminar a brincadeira estourando com os pés no chão, tornozelo com tornozelo, etc.
CARA OU CARETA

Dispõem se os participantes em duas fileiras, de costas um pro outro,  ficando todos sobre a linha que divide o espaço em duas zonas: Cara e Careta.
Cada equipe terá a sua frente uma distancia minima (10m), o pique representado por uma linha de cal ou giz
Ao comando de cara ou careta, os participantes do espçao designado correrão para o pique perseguidos pelos adversários, sendo eliminados os que forem presos.
Os restantes se dispõem como no inicio a espera de nova ordem 
O animador poderá tambem gritar " cara ou careta" quando os participantes deverão permanecer imoveis, sendo eliminados aqueles que partirem . Terminará o jogo quando uma das equipes não tiver mais jogadores.   

ECO NOME

Os participantes deverão estar posicionados em um grande circulo
Um dos participantes do grupo vai até o centro do círculo, fala o primeiro nome em voz alta e simultaneamente, realiza um movimento qualquer que expresse como se sente naquele momento.
Depois volta para o seu ligar e observa todo o grupo indo ao centro e repetindo o seu nome e movimento.

ENTRE JOELHOS

Os participantes deverão estar divididos em pares 
O animador pode iniciar o jogo, colocando a bola entre os joelhos e escolhendo alguem do circulo para entrega-la 
Quando entregar a bola deverá dizer o nome e uma qualidade que possui
Depois de entregar a bola deverá ficar ocupando o lugar do participante a quem passaou a bola e este deverá receber a bola só com os joelhos, sem ajuda das mãos e assim, sucessivamente, até o ultimo participante do circulo.




1 comentários:

Jefhcardoso disse...

Olá Daniela!
Gostei muito desses jogos interativos, dinâmica simples e resultado harmonioso!
Penso que: se houvesse dinâmica de grupo em todas as séries, de acordo com a faixa etária de cada aluno, os casos de bullying seriam menos frequentes.
Tenha um bom ano letivo!

“Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso” (Jefhcardoso)
Gostaria de lhe convidar para que comentasse a minha crônica “Milk shake de micose”. Ok?
Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Postar um comentário

Deixe aqui um recadinho pra mim...